yazilimweb tasarim

Out 2017 – Ciclo de cinema – Cinema norte-americano dos anos 70

O ciclo de cinema de Outubro da Fábrica de Alternativas é dedicado ao cinema norte-americano dos anos 70. O ciclo inicia-se com o filme Destinos opostos de Bob Rafelson (1970) no dia 5, prossegue com os filmes Fim de semana alucinante de John Boorman (1972) no dia 12 e O pecado do Xerife de John Frankenheimer’ (1970) no dia 19, e termina com o filme Corrida contra o destino de Richard Sarafian (1971) no dia 26.

Quinta-feira, 5 de Outubro

Destinos opostos (Five easy pieces)
Bob Rafelson
EUA, 1970
Drama, 1h35m

Com uma interpretação que lhe valeu a nomeação para o Óscar de Melhor Actor (1970), Jack Nicholson é extraordinário em ‘Destinos Opostos’, o aclamado drama do realizador Bob Rafelson. Um brilhante pianista clássico de uma família abastada de intelectuais, Robert Dupea (Jack Nicholson) não fez carreira, indo de trabalho em trabalho e de mulher em mulher. Actualmente, Dupea, que trabalha numa refinaria de petróleo, dedica quase todo o seu tempo livre a beber cerveja, jogar póquer e a não se comprometer com a sua namorada, Rayette (Karen Black), bonita, mas desmiolada. Quando o chamam para ver o pai no leito de morte, Dupea volta a casa com Rayette, conhecendo uma mulher sofisticada (Susan Anspach), por quem se apaixona. Dividido entre os seus contraditórios estilos de vida, Dupea vai defrontar-se com problemas que mudarão a sua vida para sempre. Aparentemente simples, porém um dos mais complexos e fascinantes filmes de sempre, ‘Destinos Opostos’ foi nomeado pela Academia para o Melhor Filme e Karen Black recebeu o prémio da crítica cinematográfica de Nova Iorque, para Melhor Actriz Secundária, pelo seu excelente desempenho.

 

Quinta-feira, 12 de Outubro

Fim de semana alucinante (Deliverance)
John Boorman
EUA, 1972
Drama, 1h50m

O eterno confronto entre a Natureza e o Mundo civilizado numa obra-prima de John Boorman dos anos 70. Quatro amigos, Lewis, Ed, Bobby e Drew, decidem descer de canoa um rio que vai desaparecer em breve devido à construção de uma barragem. No primeiro dia, aprendem a manipular as embarcações e a enfrentar os rápidos sem problemas de maior. Porém, no dia seguinte, Ed e Bobby são atacados no meio da floresta e o segundo é mesmo sodomizado por dois montanheses. Lewis intervém, liberta os amigos e mata um dos montanheses. Os quatro amigos concordam em enterrar o cadáver e esquecer o assunto. Continuam a descer o rio quando Drew é abatido. Agora, todos são potenciais alvos de atiradores escondidos e a descida do rio transforma-se num pesadelo de tensão, medo, raiva e vingança.

Fim de semana alucinante é uma das mais notáveis realizações de John Boorman e um dos mais insólitos filmes dos anos 70. Inteiramente filmado no rio Chattooga, entre os estados da Georgia e da Carolina do Sul, este espantoso filme de suspense é uma hábil parábola sobre o violento confronto entre dois universos inconciliáveis. De um lado, o Mundo civilizado com as suas radicais transformações em nome do progresso, como a barragem que vai fazer desaparecer um rio. Do outro, a Natureza selvagem na sua grandeza intocada. Boorman constrói uma fabulosa experiência emocional, servida pela espantosa fotografia de mestre Zsigmond, onde quatro homens sofisticados da grande cidade em busca de diversão vão mergulhar, literalmente, num ritual antigo de sobrevivência e num Mundo de uma cruel e brutal violência que ressuscita instintos primários. Uma deslumbrante reflexão do Homem e da Natureza em dissonância num portentoso thriller de puro e genuíno suspense, magistralmente servido pelas interpretações de Burt Reynolds, Jon Voight, Ned Beatty e Ronny Cox.

 

Quinta-feira, 19 de Outubro

O pecado do Xerife (I Walk the Line)
John Frankenheimer
EUA, 1970
Drama, 1h37m

Henry Tawes é um xerife de meia-idade numa cidade pequena do Tennessee, entediado com a esposa Ellen e a sua vida. Um dia conhece a jovem Alma, filha de fabricantes ilegais de aguardente, e apaixona-se. Acaba por comprometer as suas vidas profissional e pessoal. Conta com a actuação de Gregory Peck no papel de xerife, tendo a música sido composta por Johnny Cash.

 

Quinta-feira, 26 de Outubro

Corrida contra o destino (Vanishing Point)
Richard Sarafian
EUA, 1971
Drama, 1h36m

Este é um dos muitos filmes que se fizeram nos EUA na sequência do sucesso de ‘Easy Rider’. Uma história que tem por personagem um rebelde individualista que, por puro desafio, resolve percorrer as auto-estradas de Denver a San Francisco a alta velocidade. Perseguido pela polícia de dois Estados, torna-se um herói popular apoiado pelas estações de rádio locais.

 



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *